Revista Saúde Perss
CAPA | ENTREVISTA
Dr. Marco Antônio Neves Iack
Farmacêutico Bioquímico
CRF-RJ 6597
Revista Saúde Perss
Dr. Flávio Bastos Lemos Barreto
Médico Veterinário
CRMV-RJ 4 247
Formado em medicina veterinária pela Universidade Federal Rural-RJ
flavioblb@hotmail.com
CRITÉRIO NA CRIAÇÃO DE EQUINOS
A criação de alguns potros de tempos em tempos pode dar muito prazer.

         Produzir uma safra anual de cavalos para vender pode dar muito lucro. Mas um “verdadeiro criador de cavalos” orienta sua criação por toda a vida na tentativa de criar ou preservar um cavalo “perfeito”; o prazer e o lucro são meramente recompensas. A satisfação real surge conforme ele observa progressos em seu objetivo.

Não é fácil melhorar uma raça de cavalos. Isto não ocorre em um ano, ou mesmo em 10 anos, e sem inteligência, diligência ou mesmo uma seleção impiedosa durante um período de anos e anos, um criador pode terminar seu trabalho de toda uma vida sem nenhum progresso. Um verdadeiro criador de cavalos leva seu trabalho a sério. Ele inicia sua missão definindo claramente que tipo de cavalo deseja e esta definição ou descrição deve ser extremamente detalhada; de outro modo, a tendência é a de mudar seu objetivo com cada dificuldade que surge.

Nenhum progresso pode ser feito quanto a um tipo ideal sem que o criador mantenha seu objetivo predeterminado, sem vacilar durante os diversos anos que são necessários para colher resultados significativos. Desde o início, o criador de cavalos bem-sucedido deve olhar muitos anos a frente e acuradamente projetar o que é realmente importante, sem levar em conta os modismos. Diversos criadores tentaram ser verdadeiros criadores de cavalos, mas perderam a batalha porque vacilaram. Dúvidas e alterações de objetivos surgiram nos que não meditaram profundamente no início do projeto e nos que se deixaram levar por outros. Os objetivos serão alterados e desaparecerão nos criadores que estão preocupados com os ganhadores de exposições anuais e como esses cavalos se comparam com seu plantel.

Com o passar dos anos, os padrões dos julgamentos de exposições evoluem.

Os criadores preocupados com programas de longo prazo não devem ajustar seus objetivos de acordo com as alterações feitas nos padrões de exposições. O seguimento de tal programa leva a um caminho em círculos sem que nunca o criador atinja seu objetivo.

Para se obter sucesso na criação e exposição deve-se ter uma previsão considerável. O processo relativamente simples de cruzar um garanhão famoso com éguas de alto custo e a venda de potros com altos lucros não constitui necessariamente um programa de criação. Em nenhum momento ele traz o respeito dos outros criadores. Um programa que se inicie com um plantel escolhido com base em traços específicos ao invés de preços, e que prossiga com base num sistema predeterminado, ao invés de preceitos de compradores volúveis, provará ser mais profundo”.
(Literatura - William E. Jones Genética e Criação de Cavalos).

Devemos estar cientes que os resultados em pista são os indicadores para seleção da maioria dos criadores da atualidade e realmente deve-se ser respeitada, haja visto o alto nível dos profissionais envolvidos nos julgamentos, com critérios exigentes sempre seguindo o padrão racial dos regulamentos  em vigor. Porém, quando se direciona um trabalho de seleção observando apenas resultados de exposições deve se ter consciência que os animais ali expostos estão em um alto grau nutricional, treinamento atlético e técnico e estando muito bem condicionados, alguns sim exteriorizando seu potencial zootécnico legítimo e enaltecendo as qualidades exigidas de um verdadeiro campeão, outros não necessariamente são os melhores animais, mas sim, os mais bem treinados e alimentados, ressalvando que excesso de trato e obesidade são punidos em determinados julgamentos. Desta forma os criadores devem tomar muito cuidado ao adotar como seu critério de seleção e aquisição de animais apenas os resultados em pista. Comercialmente, não há dúvida que um animal com currículo de conquistas em pistas será muito valorizado, porém os conhecedores de cavalos mais experientes sabem que o critério de seleção, exige algo a mais que isto, sempre pesquisar genealogias, observar os animais ao natural, se deslocando em liberdade entre outros detalhes. É bom que se procure um técnico experiente ligado a associação de criadores que se pretende criar, pois, estes visitam vários criatórios em um curto espaço de tempo e tem a chance de observar um maior número de animais em diversos estágios de treinamento e até os não treinados que apresentam qualidades promissoras naturalmente, sem artifícios.

Compartilhe

Fale Conosco

Para conhecer mais sobre a nossa revista, enviar dúvidas, sugestões ou comentários você só precisa preencher os campos do formulário abaixo.