Revista Saúde Perss
CAPA | ENTREVISTA
Dr. Marco Antônio Neves Iack
Farmacêutico Bioquímico
CRF-RJ 6597
Revista Saúde Perss
Gisele dos Santos Pacheco
Nutricionista
CRN 20 03101044
giselenutricionista@gmail.com
CUIDE BEM DO SEU CORAÇÃO!
Você sabia que as doenças que envolvem o coração são as principais causas de morte no mundo? Por isso, a grande importância de conhecermos um pouquinho melhor as doenças cardiovasculares...

O acúmulo de substâncias gordurosas, como o colesterol, ao longo dos anos, leva à formação de placas e endurecimento irregular das paredes das artérias que fornecem sangue para o coração. Esse processo leva à diminuição, e até ao entupimento da passagem do sangue, dificultando a chegada de oxigênio e nutrientes aos órgãos importantes. Como consequência, acontece a doença cardiovascular, bem exemplificada pelo infarto e derrame cerebral.

Algumas pessoas não apresentam nenhum sintoma, outras podem apresentar fôlego curto e angina (dor no peito), que aparece de vez em quando, ou até dores mais fortes e frequentes. Em alguns casos, a doença pode ser tão grave que a pessoa não consegue nem realizar suas atividades diárias.

        Quando uma pessoa tem pelo menos 3 fatores de risco, ela tem 8 vezes mais chance de desenvolver a doença cardiovascular do que alguém que não tem. São muitos os fatores de risco para o aparecimento das doenças cardiovasculares; alguns controláveis e outros, não.

Fatores que não podem ser modificados:

   História familiar;
   Idade avançada;
   Sexo masculino.

Fatores que podem ser modificados ou tratados:

   Fumo;
   Hipertensão;
   Diabetes;
   Obesidade;
   Sedentarismo;
   Dislipidemias (altos níveis de gorduras no sangue);
   Níveis altos de homocisteína no sangue;
   Ingestão deficiente e níveis baixos de antioxidantes no sangue.

         A gravidade da doença é que determina o tratamento, que pode ser cirúrgico ou medicamentoso. Mas, a maioria pode ser tratada (e prevenida) através de mudanças no estilo de vida.

         A alimentação, através de uma dieta saudável pobre em gorduras e combinada com exercícios físicos regulares, pode ser a chave para um coração saudável. Não há dúvidas que a alimentação equilibrada em todos os nutrientes pode prevenir as doenças cardiovasculares. Essa deve conter proteínas, vitaminas, minerais e fibras, sem quantidades excessivas de calorias, gordura total, gordura saturada, colesterol, sódio (sal), açúcares adicionados e álcool.

         Abra seu coração para uma vida saudável e o sinta “bater mais forte”!


Compartilhe

Fale Conosco

Para conhecer mais sobre a nossa revista, enviar dúvidas, sugestões ou comentários você só precisa preencher os campos do formulário abaixo.